Incêndios por curto-circuito: Como evitar?

Separamos algumas dicas para ajudar você a evitar curto-circuito!

Quando falamos de curto-circuito, muitas vezes, não dimensionamos o estrago que ele pode fazer de fato. Em 2018, os curtos-circuitos foram responsáveis por 536 incêndios, segundo a Abrcurto-circuitoacopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade).

Então, como um curto-circuito acontece e como podemos evitá-lo? Continue a leitura para descobrir!

COMO ACONTECE UM CURTO-CIRCUITO?

Um curto-circuito acontece quando condutores com polaridades diferentes entram em contato, formando então uma corrente elétrica de intensidade muito elevada, que flui sem resistência.

Geralmente eles acontecem por conta de gambiarras e instalações com falhas de isolação. Com conexões elétricas malfeitas e mal dimensionadas, sem respeitar as normas técnicas.

Outro responsável, especialmente quando falamos do ambiente doméstico, é o benjamim. Aparelhos com um consumo maior de energia, como geladeiras ou ar-condicionado devem ser ligados em circuitos próprios.

Ligar mais de um aparelho em uma tomada aumenta a demanda de energia, o que pode acabar fritando a fiação.

COMO POSSO EVITAR UM CURTO-CIRCUITO?

Incêndios são uma grande dor de cabeça. Para ajudar você a se prevenir, separamos algumas dicas para evitar um curto-circuito.

#1 USO DE DISJUNTORES

Os disjuntores são dispositivos que funcionam como chaves, interrompendo o circuito, caso haja um pico de corrente fora do especificado. Ao escolher um disjuntor, a corrente que devemos levar em conta é sempre a corrente máxima suportada pelos condutores — e, de preferência, ficar abaixo dela — e não a corrente de funcionamento dos aparelhos.

#2 FAÇA REVISÃO

Fazer revisão regularmente não é algo restrito a carros. Outros aparelhos e até mesmo as próprias instalações elétricas precisam desse cuidado regular para manter o bom funcionamento.

É recomendado que a revisão de instalações elétricas seja feita a cada 5 anos, verificando desgaste de fios e conexões – evitando o curto-circuito.

#3 SEMPRE CONTE COM PROFISSIONAIS PARA REALIZAR INSTALAÇÕES

Na maioria dos casos, o curto-circuito acontece por conta de adaptações e “gambiarras” feitas por pessoas que não são especialistas para realizar a função. São casos que podem ser facilmente evitados se feitos por pessoas que entendem do assunto e seguem as normas estabelecidas pela NBR-5410.

A Eletrorede Engenharia projeta e executa serviços de infraestrutura elétrica, hidráulica e combate a incêndio, atendendo clientes de diferentes segmentos. Entre em contato para saber mais!

 


1